TEM DE TUDO

Tem, tem, tem.
Tem de tudo.
Onde nada, é quase nada.
E tudo, tudo, é quase tudo.

Quase nada de concreto.
Estimula o que é incerto.
Quase nada de eficiência.
Alimenta a incompetência.

(Olha o breque?)

Tem, tem, tem.
Tem de tudo.
Onde nada, é quase nada.
E tudo, tudo, é quase tudo.
Zé Lopes – Auriflama

Publicado por ZÉ LOPES

JOSÉ ANTONIO LOPES - JORNALISTA EDITOR/PROPRIETÁRIO DO JORNAL “O CLARIM”: 10/06/1973 – 20/11/1976. EDITOR/PROPRIETÁRIO DO JORNAL “A FOLHA DE AURIFLAMA: 14/08/1977 – 24/12/1978. EDITOR/PROPRIETÁRIO DO JORNAL “A FOLHA DE AURIFLAMA”: 13/03/1983 – 15/04/1984. DIRETOR RESPONSÁVEL DO JORNAL “A FOLHA DE AURIFLAMA”: A PARTIR DE 16/04/1984.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *