REALIDADE

ORIGINAL – POSTADO EM 08/08/2014

“… OLHE PARA MIM,
VOCÊ NÃO ESTÁ DORMINDO,
VOCÊ ESTÁ ACORDADA.

HÁ UMA LINHA TÊNUE
ENTRE SONHO E REALIDADE.

SE AS PESSOAS ACORDAREM,
PODEM QUERER PEDIR ‘REEMBOLSOS’”!!!

TROFÉU: “RATO DOS RATOS” – A DISPUTA CONTINUA ACIRRADÍSSIMA!

ORIGINAL – POSTADO EM 24/09/2014

OS RATOS, APÓS PROCESSO DE TRANSMUTAÇÃO (TRANSFORMADOS EM HUMANOS), UNIDOS ENTRE SI, ENRIQUECEM GRAÇAS AS PARTES DE NEGOCIATAS: AQUELAS QUE ACREDITAM DAR OS MELHORES LUCROS, MESMO QUE PRATICADAS NO “VAREJO”.

PARA MAIOR TRANQUILIDADE DOS “RATOS” E “RATAZANAS” É NECESSÁRIO ACREDITAREM QUE OUTROS “RATOS” OU “RATAZANAS”, OCUPANTES DE PONTOS ESTRATÉGICOS, PODEM LIVRÁ-LOS DAS RATOEIRAS.

OS “RATOS” NÃO SÃO BURROS!!!

“RATOS” SÃO APENAS “RATOS” QUE EXPLORAM A INGENUIDADE HUMANA, USANDO MÉTODOS NADA RECOMENDÁVEIS. MAS, PARA MANTEREM SEUS STATUS DOMINANTES, NÃO ABREM MÃO DE MARACUTAIAS, SUPERFATURAMENTOS, ETC, ETC, ETC.

O NEPOTISMO PODE SER APONTADO COMO UM TRAÇO COMUM. SOMENTE ENTRE ELES SE SABE QUEM É OU NÃO APARENTADO A “RATO”. QUEM NÃO É ESTÁ FORA, POR MAIS QUE JURE TER PAVOR DE RATOEIRA E ADORE QUEIJO.

“RATOS” VERDADEIROS TAMBÉM SÃO RECONHECIDOS POR SUAS DESONESTIDADES, FALTA DE CARÁTER, CARA DE PAU E FACILIDADE NO MENTIR.

QUANDO ENCURRALADOS, A SAÍDA CONTINUA SENDO DAS MAIS “CABELUDAS”:   – “EU NÃO SABIA”!!!

FALANDO EM “RABO”…

ORIGINAL – POSTADO EM 22/09/2014

SEGUNDO “MICHAELIS”: RABO – (LAT RAPU) É UM SUBSTANTIVO MASCULINO.

ENTRE AS VARIANTES NOS DEPARAMOS COM VÁRIOS EXEMPLOS:

PEGAR EM RABO DE FOGUETE: ASSUMIR COMPROMISSO DIFÍCIL DE CUMPRIR; TOMAR UM ENCARGO MALPARADO.

SAIR COM O RABO ENTRE AS PERNAS: SAIR ENVERGONHADO, MEDROSO, COMO CACHORRO ENXOTADO.

TER RABO DE PALHA: SER CONHECIDO POR AÇÕES POUCO DIGNAS, TER MÁ REPRESENTAÇÃO. [PARA ESTE, EM PARTICULAR, UM DITADO POPULAR RECOMENDA MUITA CAUTELA AO BRINCAR COM FOGO].

AH, EXISTE TAMBÉM A “TURMA DO RABO PRESO”, MAS ESTA VARIANTE NÃO ESTÁ NO “MICHAELIS” E É TEMA PARA FUTUROS COMENTÁRIOS.

“VIDA DE GADO”!!! SIM, OU NÃO? SÓ VOCÊ PODE DECIDIR.

ORIGINAL – POSTADO EM 16/09/2014

AQUELES QUE FAZEM PARTE DA “MASSA” E QUE ACEITAM, PASSIVAMENTE, A PECHA: “VIDA DE GADO” SÃO, CONSCIENTE OU INCONSCIENTEMENTE, INTEGRANTES DE “CURRAIS ELEITOREIROS” FORMADOS POR POLÍTICOS DESCOMPROMISSADOS COM O INTERESSE PÚBLICO.

ISSO É RUIM! MUITO RUIM! E, PARA TODOS.

SABE-SE QUE É PRATICAMENTE IMPOSSÍVEL ABOLIR OS “CURRAIS ELEITOREIROS”, MAS TUDO TEM UM COMEÇO. ENTÃO, ACREDITANDO NUM CONSIDERÁVEL DESBARATAMENTO DESSAS “CURRALAMAS” (UMA UTOPIA?), EXISTE ALGUMA SAÍDA PARA AQUELES QUE DESEJAM “ENCURRALAR” A “POLITICAGEM”?

CLARO! INÚMERAS SAÍDAS! ESCOLHA A MELHOR! OU, NA DÚVIDA, É SÓ “EMPACAR”! ENTENDEU? OU NÃO?

LEMBRE-SE:
VOCÊ PODE ESCREVER A HISTÓRIA OU SIMPLESMENTE SER UM MERO FIGURANTE DELA.
QUANTO AO PAPEL QUE DESEJA ENCENAR (MOCINHO OU BANDIDO): DEPENDE EXCLUSIVAMENTE DE VOCÊ.

FINALIZANDO:
O CENÁRIO QUE VOCÊ VÊ, E MUITAS VEZES TE ATERRORIZA, PODE SER ALTERADO. ISSO TAMBÉM, DEPENDE, EXCLUSIVAMENTE, DE VOCÊ!!!

“TALENTO PARA CARA DE PAU”

ORIGINAL – POSTADO EM 12/09/2014

LUCIANO PIRES ABORDA, COM MUITA PROPRIEDADE, EM SEU ARTIGO “O INFINITO TALENTO”, O MOMENTO POLÍTICO QUE VIVENCIAMOS.

“ONTEM ME LEMBREI DE UM DISCURSO DE RUY BARBOSA NO SENADO, EM 1914, QUE TALVEZ VOCÊ JÁ CONHEÇA, MAS QUE VALE REPETIR:

‘DE TANTO VER TRIUNFAR AS NULIDADES, DE TANTO VER PROSPERAR A DESONRA, DE TANTO VER CRESCER A INJUSTIÇA, DE TANTO VER AGIGANTAREM-SE OS PODERES NAS MÃOS DOS MAUS, O HOMEM CHEGA A DESANIMAR DAS VIRTUDES, A RIR-SE DA HONRA, A TER VERGONHA DE SER HONESTO.’

CEM ANOS ATRÁS… MAS PARECE FALAR DO BRASIL DE HOJE, NÃO É?

ORA BOLAS, SE É ASSIM ENTÃO, TALVEZ DEVAMOS ENTENDER – E ACEITAR – QUE AS CRISES ATUAIS, QUE JULGAMOS SEREM AS MAZELAS DO BRASIL, DE ATUAIS NADA TÊM. SÃO PARTE DA NATUREZA HUMANA, SEMPRE EXISTIRAM, SEMPRE EXISTIRÃO ENQUANTO OS SERES HUMANOS ESTIVEREM INTERAGINDO POR AQUI E ALHURES. E SE É PREOCUPANTE A EXISTÊNCIA DE PESSOAS COM VALORES MORAIS DISCUTÍVEIS OU PORTADORAS DE INCOMPETÊNCIA OBSESSIVA EM POSIÇÕES DE PODER, O QUE PREOCUPA DE VERDADE É A FALTA DE EVOLUÇÃO NA FORMA COMO NÓS, O POVO, TRATAMOS ESSE ASSUNTO. DEFINITIVAMENTE NOS ACOSTUMAMOS COM O MALFEITO, COMO CONSTATOU RUY BARBOSA UM SÉCULO ATRÁS. E ISSO ME PARECE UMA ESTAGNAÇÃO. OU ATÉ MESMO INVOLUÇÃO.”

“…

… GENTE SEM HONRA, INJUSTA E MÁ NA TELEVISÃO FAZENDO CARA DE PESSOA LEGAL E PEDINDO VOTOS.

E SOFRO AO IMAGINAR QUE PROVAVELMENTE GRANDE PARTE DESSA GENTE SE REELEJA.

AH, SIM, TEM OS CANDIDATOS A PRESIDENTE! AS CAMPANHAS SÃO UM DESFILE DE ACUSAÇÕES, CADA UM TENTANDO EXPOR MAIS OS PODRES DOS OUTROS. ATÉ UM PONTO EM QUE O POVO, ANESTESIADO, PARECE NÃO MAIS SE IMPORTAR COM A DESONRA, A INJUSTIÇA E A MALDADE. SE TODOS SÃO PODRES, TALVEZ PODRE SEJA O PADRÃO!

SERÁ QUE RUY BARBOSA PERDEU SEU TEMPO? SERÁ QUE O POVO NÃO APRENDEU COM O PASSADO? OU MELHOR, APRENDEU SIM, A DESANIMAR DAS VIRTUDES, A RIR-SE DA HONRA, A TER VERGONHA DE SER HONESTO?

CONCLUO QUE MUITO MAIS QUE A VALORIZAÇÃO DA HONRA, DA VIRTUDE E DA HONESTIDADE, A VERDADEIRA HABILIDADE QUE DESENVOLVEMOS EM 100 ANOS FOI O SISTEMÁTICO, ONIPRESENTE E INFINITO TALENTO PARA A CARA DE PAU.

MEU, SEU, DELES.

SE A CARAPUÇA NÃO SERVIR, NÃO SE PREOCUPE. NÃO ESTOU FALANDO COM VOCÊ.”

LUCIANO PIRES

LEIA A ÍNTEGRA DO ARTIGO, “O INFINITO TALENTO”, DE AUTORIA DE LUCIANO PIRES, ACESSANDO O SITE ABAIXO:

http://www.portalcafebrasil.com.br/artigos/o-infinito-talento/